Viagens

Esqueça o carro: Serra da Estrela pode vir a ter um shuttle que o leva até à Torre

O projeto está disponível para consulta pública até dia 30 de abril e abrange os seis concelhos da região.
Já poderá visitar a Torre da Serra da Estrela sem levar o carro

Já não tem que ir obrigatoriamente de carro para a Serra da Estrela. Foi proposto a 11 de março pela Comissão de Cogestão do Parque Natural da Serra da Estrela (PNSE), um projeto que visa a criação de uma rede de transportes turísticos que abrangem os seus seis concelhos: Gouveia, Celorico da Beira, Guarda, Manteigas, Seia e Covilhã.

“A proposta visa criar, desenvolver e consolidar um modelo de gestão participativo, colaborativo e articulado, valorizando esta área protegida e contribuindo para o desenvolvimento sustentável das suas populações”, avança o “Sapo”. O objetivo será não só reduzir a necessidade que os turistas têm de se deslocar de carro até aos pontos mais altos da Serra (como é o caso da Torre) como também valorizar o território e garantir que a “a carga automóvel do Planalto Superior seja respeitada e, por conseguinte, se contribua para a proteção dos habitats únicos de montanha”.

Os valores para a concretização do plano proposto, que inclui ainda outras propostas como a criação de uma rede de percursos pedestres e de uma rede de festivais de montanha, rondam os 10,4 milhões de euros, plano esse que deverá ser executado até 2026.

O projeto encontra-se disponível para consulta pública desde esta terça-feira, dia 2 de abril, até ao dia 30 de abril, nos sites dos municípios abrangidos pelo Parque Natural da Serra da Estrela.




ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT