Viagens

O botellon que reuniu 25 mil jovens em Madrid foi combinado pelo WhatsApp

A enchente na capital espanhola está a ser comentada em todo o mundo e apanhou a polícia desprevenida.
Foi na cidade universitária.

Na noite da passada sexta-feira, 16 de setembro, aconteceu em Madrid, a capital de Espanha, uma situação sem precedentes em tempos de pandemia. O jornal “ABC” avançou imagens de um gigantesco botellon, um tipo de reunião social que acontece normalmente ao ar livre com o objetivo de ingerir bebidas alcoólicas, em que cada participante leva as suas bebidas.

Mais de 25 mil jovens reuniram-se na Cidade Universitária, perto da facultade de Direito, e estiveram por lá a beber durante várias horas sem cumprir as medidas de prevenção e segurança que estão ainda em vigor no país vizinho para travar os contágios por Covid-19.

De acordo com o jornal, não houve acidentes. Fontes policiais declararam que não foi prestada qualquer notificação prévia. “Depois das 23 horas, foi recebida por email uma cópia de um email enviado à Delegação do Governo, em duas caixas de correio administrativas (não operacionais) da Polícia Municipal, com milhares de pessoas já na área”, declararam.

Um grupo de agentes dirigiu-se ao local, onde estiveram entre a meia-noite e as 7 horas, mas, sem aviso prévio, não tinham recursos necessários para dispersar 25 mil pessoas. Ao que apuraram as autoridades, a combinação foi feita por WhatsApp. 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT