Viagens

O incrível “minicoliseu” de gelo construído no meio dos Himalaias indianos

Serve de ponto de partida ao popular trilho de caminhada Chadar, que a pandemia mantém encerrado há dois anos.
Está a 3.350 metros de altitude.

O Festival Internacional de Esculturas em Gelo de Harbin que, anualmente, transforma a cidade chinesa num mundo mágico marcado por castelos, esculturas artísticas diversas e dezenas de bonecos congelados — todos construídos com neve —, inspirou um grupo de artistas em Ladakh, nos Himalaias indianos. O resultado? Um “minicoliseu”, a cerca de 3.350 metros de altitude, feito com blocos de gelo cortados a motosserra do rio congelado localizado no pequeno povoado de Chilling.

“Pensamos que poderíamos propor um festival suficientemente grande e ambicioso, como o Festival Internacional de Harbin. Um evento para o qual poderíamos convidar artistas do mundo todo”, disse Tashi, membro do coletivo local Kangsing, à France-Press.

A obra serve de ponto de partida ao popular trilho de caminhada Chadar (encerrado há dois anos pela pandemia), que leva sete dias para ser percorrido, contorna o congelado rio Zanskar e atravessa um “deserto congelado”. O local foi escolhido por estar protegido do sol e assim evitar que o gelo derreta. Além disso, a zona é fustigada por ventos gelados que conservam as temperaturas entre -17ºC e -20ºC durante todo dia.

De modo a criar um ambiente propício para o lazer e o desenvolvimento de iniciativas semelhantes à chinesa, o grupo (entre eles há um médico, nota a agência de notícias) também construiu, nas margens do rio congelado, uma cafetaria e uma sauna. Conseguem que a temperatura chegue a 60ºC em cerca de 40 minutos. Depois da sauna, os corajosos podem sempre mergulhar nas águas geladas do rio Zanskar por cerca de um minuto. As instalações contaram com o apoio do governo local.

Futuramente, os artistas querem construir um estabelecimento com condições de concorrer com o famoso hotel de gelo de Jukkasjarvi, na Suécia.

Carregue no vídeo abaixo e veja o “minicoliseu” ganhar forma.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT