« A partir de junho terá de pagar até 10€ para entrar em Veneza

Ilha da Páscoa

A Ilha da Páscoa esteve fechada grande parte da pandemia, mas o plano é abrir as fronteiras já em fevereiro deste ano, acolhendo todos os visitantes que queiram conhecer as icónicas cabeças gigantes que ali encontramos.

A alteração humana é quase inexistente, sendo abundantes os espaços verdes e as altas colinas que são o sítio perfeito para nos sentarmos a ver o pôr-do-sol.

A "Vogue" adianta que as praias e as grutas escondidas também merecem mesmo uma visita este ano, dando-lhe assim a oportunidade de descobrir uma parte diferente da Ilha da Páscoa além daquela que vemos nas fotografias.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT