Viagens

Portugal vai ser retirado da lista vermelha da Suíça

Dias depois do anúncio da obrigatoriedade de quarentena, há um aparente retrocesso por parte das autoridades helvéticas.
Novas medidas anunciadas.

Dias depois do anúncio da entrada de Portugal na lista de países considerados de maior risco para a Suíça — e portanto com maiores restrições na entrada — dá-se uma aparente inversão.

Segundo a Embaixada da Suíça em Portugal, numa partilha nas suas redes sociais, “as autoridades suíças decidiram eliminar, a partir do dia 4 de dezembro às 0h00, a quarentena, à chegada à Suíça”.

De acordo com a mesma publicação, “novas medidas preventivas foram introduzidas, que entram em vigor nessa mesma data: todas as pessoas oriundas de Portugal, incluindo as pessoas vacinadas ou recuperadas, têm que apresentar um teste PCR negativo e deverão fazer um segundo teste, PCR ou antigénio, entre o 4.° e o 7.° dia na Suíça. Todos os testes serão realizados à custa dos passageiros envolvidos”, adiantam no mesmo texto não sendo, ainda, conhecidos mais detalhes.

A decisão de colocar Portugal na lista de maior risco da Suíça — com os viajantes obrigados a teste e quarentena — foi anunciada no passado dia 30 pelo Ministério da Saúde suíço, com vista a conter a Ómicron.

Segundo a “CNN Portugal“, a secretária de Estado das Comunidades Portuguesas já confirmou ter recebido esta indicação por e-mail, estando ainda a aguardar o comunicado oficial. 

 

 

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT