Viagens

Prater: o parque de diversões mais antigo do mundo onde não tem de pagar para entrar

Tem uma roda-gigante com mais de 100 anos e 60 metros de altura. E também muitas atrações assustadoras.
Tem muitas atrações.

Ler parque de diversões e entrada gratuita na mesma frase só pode ser bom. Pode parecer inacreditável, tendo em conta os preços exorbitantes que se praticam atualmente nestes recintos com atrações, mas existe um onde não precisa de pagar para entrar. 

No Prater, o parque de diversões mais antigo do mundo, a entrada é gratuita. Localizado em Viena, na Áustria, o recinto tem cinco mil metros quadrados e é um dos pontos mais visitados da capital austríaca. Foi, durante séculos, utilizado como área de caça na época do Imperador Maximiliano II, até que abriu ao público em 1766. Mais de um século depois, foi ali inaugurado um parque de diversões que ainda mantém algumas das atrações originais. Apesar do aspeto inevitavelmente antigo, continuam em boas condições de funcionamento e estão prontas a serem utilizadas. 

Aberto durante todo o ano — apesar de algumas atrações fecharem no inverno — os visitantes só pagam as viagens nas diversões, que custam entre 1,50€ e 6€. Uma das mais conhecidas é a roda gigante com 60 metros de altura, inaugurada em 1897, na celebração do 50.º aniversário da coroação do Imperador Francisco José I.

A atração sobreviveu a vários desastres naturais e à Primeira Guerra Mundial, apesar de ter deixado de funcionar durante dois anos. Porém, nem tudo correu pelo melhor na Segunda Guerra Mundial quando, em 1945, os bombardeios e o fogo destruíram grande parte da roda gigante.

Por ser uma das atrações mais importantes da cidade, foi reconstruída em tempo recorde. Porém, 15 das 30 cabines originais não puderam ser recolocadas na estrutura. Porém, em vez de serem destruídas, as cabines que já não estavam funcionais foram colocadas em exposição na parte de baixo da atração e funcionam como vestígios históricos das  diferentes épocas que atravessaram.

Para os mais aventureiros, não faltam atrações que provocam descargas de adrenalina. É o caso da Prater Turm, uma torre com bancos presos por cordas que, com a aceleração centrípeta, vão ficando cada vez mais na horizontal. A atração tem 117 metros de altura e é uma das mais altas do mundo — não é recomendada a quem sofre de acrofobia.

Outras das atrações que garante uma experiência cheia de adrenalina é a Free Fall Tower, uma verdadeira queda livre do topo de uma torre com 85 metros de altura. O Olympia Looping, a primeira montanha-russa transportável com cinco loops do mundo, com 1.250 metros de comprimento e que atinge uma velocidade máxima de 100 quilómetros por hora promete fazer as delícias dos fanáticos deste tipo de atração.

O Tornado, um passeio veloz onde vai ficar de cabeça para baixo, e a montanha-russa Volaro, com 420 metros de comprimento e 23 de altura, são outras das diversões indicadas para os mais corajosos.

Para os fãs de terror e de histórias macabras, há muitos espaços no Prater que prometem uma aventura assustadora. O Grande Comboio Fantasma, com cerca de trinta criaturas arrepiantes, o Castelo Assombrado, onde pode encontrar alguns fantasmas, o Hotel Psicopata, onde terá de atravessar um corredor de terror, e a casa assustadora do serial killer Jack the Ripper são algumas das atrações que garantem arrepios.

O Prater conta ainda com inúmeras diversões para os miúdos, como uma pista de kart, a Torre Lollipop onde descem em queda livre, ou o Iceberg, uma aventura imersiva sobre o mundo fascinante do gelo.

Como está aberto durante todo o dia e não precisa de pagar para entrar, pode apenas dar um passeio pelo parque de diversões mais antigo do mundo ou comer num dos vários restaurantes e quiosques. Na época natalícia, o Prater enfeita-se com luzes de Natal e o aroma a chocolate quente invade o recinto.

Como lá chegar

Para visita o parque de diversões mais antigo do mundo, primeiro terá que apanhar um avião até à capital austríaca. Encontra voos desde 40€ (a partir do Porto) ou 47€ (partindo de Lisboa).

Por estar relativamente perto do centro de Viena — a cerca de três quilômetros — à chegada ao aeroporto só precisa de apanhar o comboio que o leva até à estação Wien Praterstern e sai diretamente no parque. A viagem dura cerca de 20 minutos e custa entre 3€ a 6€. 

De seguida, carregue na galeria para descobrir algumas das muitas atrações do parque Prater.

ver galeria

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT