Viagens

Parte do rio Tamisa, em Londres, congela pela primeira vez em 60 anos

Pássaros em pé no rio que banha Londres não é uma visão comum: aliás, não acontecia há décadas.
Imagem de uma parte do Tamisa, partilhada no Instagram.

Partes do Rio Tamisa congelaram pela primeira vez em 60 anos, numa altura em que o Reino Unido é assolado por temperaturas negativas e, em alguns casos, com valores próximos de recordes.

De acordo com o “The Guardian“, uma onda de frio do Báltico levou a que o famoso rio congelasse parcialmente em Teddington Lock, no sudoeste de Londres, criando cenários insólitos de pássaros a praticamente patinar na superfície fina.

O jornal explica que nesta secção do Tamisa, no lado sem marés, a água flui mais lentamente, pelo que é mais suscetível ao congelamento. Ainda assim, desde 1963 que este fenómeno não acontecia: na altura, esse foi o inverno mais frio em 200 anos, tendo o Reino Unido sido coberto de neve.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT