Subscreva a nossa newsletter para receber as melhores sugestões de lifestyle todos os dias.

Viagens

Sabia que pode fazer visitas virtuais aos cenários históricos de “The Crown”?

A nova temporada da série da Netflix tem os destinos ideais para conhecer nas próximas férias.
Vá apontando onde quer ir

Por esta altura, os fãs de “The Crown” já devoraram a quarta temporada da série que estreou a 15 de novembro na Netflix. Apesar da polémica com alguns membros da família real britânica — que se queixaram da falta de rigor e de veracidade da história —, a série revela pormenores históricos do reinado de Isabel II que eram pouco conhecidos.

De facto, têm sido feitos tantos comentários a “The Crown” que o interesse vai além da simples trama ou do trabalho de moda e beleza feito com os artistas e personagens. As críticas chegam de toda a parte e até já foi pedido pelo ministro da Cultura britânico, Oliver Dowden, ou o irmão da princesa Diana, Charles Spencer, que a Netflix inclua um aviso antes de cada episódio. O objetivo é que os espectadores percebam de forma clara que tudo o que ali se passa não aconteceu realmente. É uma história de ficção, não um documentário.

O próprio príncipe Carlos já se mostrou várias vezes descontente com a forma egoísta como é retratado, enquanto outros membros da realeza se queixam de como a série pode remexer em situações sensíveis que aconteceram há 25 ou 30 anos. Temas como o distúrbio alimentar de Diana também foram abordados de forma explícita, o que pode surpreender alguns espectadores.

Ainda assim, há vários pontos positivos que podemos apontar na série, como o cuidado com o guarda-roupa ou a semelhança entre os atores e os personagens que representam. Outra das qualidades da produção da Netflix está nos cenários deslumbrantes que serviram de inspiração para os argumentistas. Nesta temporada, há oito casos que se destacam e que podem ser visitados por toda a gente.

Estamos a falar das casas com vários séculos de existência, em estilos como o vitoriano ou o eduardiano e que até aparecem noutras produções, como é o caso de Ardverikie Estate, onde foram gravadas cenas do próximo filme de James Bond, que estreará em 2021. Algumas das propriedades estão ainda fechadas devido à pandemia ou com zonas restritas, mas há também opções de visita virtual, como acontece com o Goldsmiths’ Hall, onde foram gravadas cenas interiores que simulam o Palácio de Buckingham.

Carregue na galeria para descobrir os locais mais impressionantes que aparecem na quarta temporada de “The Crown” — e que pode visitar.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT