Viagens

Taj Mahal na Índia reabre ao público seis meses depois

A Índia é o segundo país do mundo mais fustigado pela pandemia mas, ainda assim, o seu principal monumento reabriu.
Uma das Sete Maravilhas do Mundo.

É o monumento mais visitado na Índia e esteve fechado durante mais de seis meses, mas reabre esta segunda-feira, 21 de setembro, mesmo enquanto o país continua a registar cerca de 90 mil novos casos de Covid-19 a cada dia.

Segundo a Lusa, com uma população de 1,3 mil milhões de pessoas a Índia é o segundo país do mundo com o maior número de infeções depois dos Estados Unidos, totalizando mais de 5,4 milhões de contágios desde o início da pandemia. Apesar disso, o governo está a abrandar as regras, levantando restrições aos voos domésticos e à circulação de comboios ou à reabertura de mercados e restaurantes.

Encerrado ao público desde 17 de março, o Taj Mahal já recebe novamente visitantes, depois de a reabertura, inicialmente anunciada para o início de julho ter sido adiada pelo Ministério da Cultura indiano, devido ao aumento de casos no país. Construído no século XVII no norte da Índia, em Agra, 200 quilómetros a sul de Nova Deli, o mausoléu de mármore branco regista cerca de sete milhões de visitas por ano.

As autoridades garantem que a reabertura será acompanhada de todos os protocolos relacionados com a Covid-19, incluindo o uso obrigatório de máscara, a medição da temperatura à entrada e o limite ao número máximo de visitantes.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT