Viagens

Vai voltar a época dos Cruzeiros: pode ir à Grécia ou à Turquia em navios novos

A Costa Cruzeiros anunciou as novidades da sua programação. Spoiler alert: pode incluir dormidas nas grutas da Capadócia.
E é isto.

À medida que o mundo procura retomar a normalidade possível. regressam, também já, as programações dos maiores operadores mundiais do setor do turismo — um dos mais afetados pela pandemia.

A Costa Cruzeiros anunciou esta terça-feira, 21 de setembro, os seus programas 2022-23, com novidades em relação a dois dos mais recentes e inovadores navios da sua frota: o Costa Venezia, que entrou em operação em 2019, e o Costa Toscana, ainda em construção.

Assim, a partir de maio de 2022, o Costa Venezia vai disponibilizar cruzeiros para a Turquia, com partida de Istambul, uma novidade exclusiva do Grupo Costa. O Venezia vai reforçar ainda mais a oferta da empresa no Mediterrâneo, onde o navio Costa Toscana também irá passar a operar a partir de março de 2022.

“Enquanto se espera o retorno dos cruzeiros na Ásia, decidimos trazer o Costa Venezia de volta ao Mediterrâneo para oferecer um programa de cruzeiros verdadeiramente único e inédito, que só estará disponível na Costa Cruzeiros. O foco deste novo produto é a Turquia, com Istambul, uma das cidades mais bonitas do mundo. Em linha com o nosso plano de retoma gradual das operações, decidimos também adiar a entrada em funcionamento do nosso mais recente navio Costa Toscana, para março de 2022”, explica Roberto Alberti, Diretor Comercial da Costa Cruzeiros.

O novo programa do Costa Venezia na Turquia inclui três itinerários diferentes, todos com embarque e desembarque em Istambul. Desenhados para oferecer estadias mais longas nos portos de escala, os itinerários permitem aos passageiros desfrutarem plenamente de algumas das mais belas experiências em cada destino, e visitar cidades ricas em história, ruínas antigas, locais que fazem parte do Património Mundial da UNESCO e praias maravilhosas.

De 1 de maio a 13 de novembro de 2022, o Costa Venezia vai proporcionar dois itinerários de uma semana dedicados à Turquia e à Grécia, que se alternam, e que também podem ser combinados num único “super tour” de 15 dias com oito escalas no porto superiores a 10 horas.

O primeiro itinerário inclui uma paragem de dois dias e uma noite em Istambul, os belos destinos turcos de Izmir e Bodrum, a ilha de Mykonos, e Atenas, na Grécia.

O interior do Costa Venezia.

O segundo inclui duas escalas de dois dias e uma noite em Istambul e Kusadasi, na Turquia, antes de partir para explorar Rodes e Heraklion, na Grécia. No inverno de 2022-23, o Costa Venezia propõe um terceiro itinerário de 12 dias pela Turquia, Egipto, Israel e Chipre, que visitará Istambul, com paragem de dois dias e uma noite, e também Bodrum, Limassol, Haifa, novamente com uma paragem de dois dias e uma noite, Alexandria no Egipto e Kusadasi.

O portfólio de excursões em terra criado para os cruzeiros do Costa Venezia permitirá que os passageiros vivam experiências especiais, como desfrutar Éfeso à noite com um concerto privado num anfiteatro romano, admirar as luzes do Bósforo à noite, dormir em casas escavadas na rocha nas paisagens lunares da Capadócia, descobrir as piscinas naturais de Pamukkale, mas também o Partenon de Atenas, as praias de Mykonos e Rodes, Belém e Jerusalém.

Os novos itinerários do Costa Venezia, que incluem os pacotes de “voos e cruzeiros” dos principais países europeus, vão poder ser reservados a partir da primeira quinzena de outubro.

Ainda segundo a operadora, novo navio Costa Toscana, o segundo navio da empresa movido por gás natural liquefeito, será entregue conforme previsto em dezembro de 2021, e entrará em operação a 5 de março de 2022.

O itinerário que o navio oferecerá a partir dessa data não terá alterações, com cruzeiros de uma semana no Mediterrâneo Ocidental, passando por Savona, Marselha, Barcelona, ​​Valência, Palermo e Civitavecchia/Roma. 

Entretanto, os cruzeiros do Costa Toscana, originalmente programados para 18 de dezembro de 2021 até ao início de março de 2022, serão assegurados pelo Costa Luminosa, que descontinuará o seu longo programa de cruzeiros de inverno no Mediterrâneo devido às restrições atuais. A empresa está a implementar o processo de informar os passageiros e agências de viagens afetados por estas mudanças.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT