Viagens

Vamos ter mais um sítio para visitar em Paris: vai abrir a casa-museu Gainsbourg

O edifício onde morou o famoso compositor vai poder ser visitado na primavera, segundo informações oficiais.
A parede da Maison Gainsbourg.

É um projeto que está a ser pensado e falado há largos anos e, em 2022, parece que vai mesmo avançar. A Maison Gainsbourg, localizada na Rue de Verneuil no 7.º bairro, em Paris, abrirá as suas portas na primavera deste ano, noticiam vários meios locais e o próprio site oficial.

Segundo a “Time Out” Paris, o conceito já está em andamento há algum tempo, incentivado pela filha de Serge Gainsbourg e Jane Birkin, a atriz e modelo Charlotte Gainsbourg.

O conceito é o de casa-museu, que se promete tornar num local de passagem e até de culto para turistas, curiosos e sobretudo apreciadores da vida e trabalho do compositor, cantor e também ator.

A Maison Gainsbourg deverá ser composta por dois espaços, com histórias em cada parede e recanto, mas tal como implica este conceito, a própria casa é também importante: foi onde o artista viveu entre 1969 e 1991.

A visita funcionará em modo de tour áudio-guiada, que durará cerca de trinta minutos. Sem desvendar muito, é certo que Charlotte Gainsbourg terá mantido o local o mais próximo possível do original, em relação aos móveis, decoração e até utensílios pessoais, desde há 30 anos.

Além disso, o interior da casa de Gainsbourg na rua de Verneuil, 5 Bis, é acompanhado no número 14 por um museu, uma livraria e Le Gainsbarre, um espaço híbrido vai abrigar um café durante o dia e um piano bar à noite. Juntos, formam a Maison Gainsbourg, primeira instituição cultural dedicada a esta grande figura da composição francesa.

A Maison Gainsbourg já tem site, que pode ir consultando para saber novidades, ver fotografias e, mais tarde, comprar bilhetes.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT