Europa

As casas suspensas no meio de uma floresta que nasceram de uma história de amor

Estão instaladas a seis metros do solo e têm vistas panorâmicas para as montanhas da Noruega. Verdadeiros refúgios românticos.
É um refúgio romântico.

Fiordes, montanhas e lagos. Este trio de atrações naturais são apenas alguns dos motivos que levam milhares de turistas a rumarem à Noruega. Isso, e a possibilidade de assistirem ao incrível fenómeno das auroras boreais. Oslo, a capital, é um dos destinos mais procurados, mas há lugares menos populares são perfeitos para fazer uma escapadinha romântica em plena natureza.

Aninhada entre o planalto de Hardangervidda e o glaciar Folgefonna, fica Odda, uma pequena cidade industrial que contrasta com um cenário incrível envolvente. É lá, escondidas no meio da floresta, que se encontram quatro casas de luxo suspensas entre as árvores. 

O refúgio chama-se Woodnest e é, tal como o nome indica, um “ninho de madeira” com vistas panorâmicas das montanhas. A história do empreendimento começou em 2020, quando o norueguês Kjartan cumpriu a promessa que fez antes de se casar com a mulher australiana, Sally.

Se algum dia me casar com aquela rapariga, construirei uma casa na árvore para a pedir em casamento”, disse quando a viu pela primeira vez na Austrália, precisamente num enlace. Durante o jantar da cerimónia, em conversa, descobriram que tinham algo em comum: ambos sonhavam construir uma cabana suspensa.

Após um ano de relacionamento à distância, Sally mudou-se de Sidney para a Noruega em 2020. O namorado, em segredo, começou logo a trabalhar para cumprir a tal promessa. Investiu muitas horas e dias de trabalho intenso, mas valeu a pena. A namorada aceitou o pedido de casamento na estrutura que construiu a 10 metros acima do solo, embrenhada na floresta.

A partir daí, a Woodnest, foi crescendo organicamente — muito antes de ser um projeto turístico. Os amigos e familiares queriam tanto ver o local onde ficaram noivos que o casal começou a sonhar em partilhá-lo com outras pessoas e, quem sabe, transformá-lo num negócio.

“Não tínhamos experiência nesta área e conseguir financiar o projeto já exigia um milagre, mas estávamos dispostos a arriscar para ver um sonho tornado realidade e fazer algo que amámos”, contaram à “Scan Magazine”.

Com a ajuda dos arquitetos noruegueses Helen & Hard, construíram as duas primeiras estruturas suspensas em pinheiros nas encostas íngremes de Odda. Em 2023, a mesma equipa introduziu mais dois alojamentos semelhantes, totalizando assim um total de quatro casas na árvore. E assim nasceu oficialmente o Woodnest.

“A casa na árvore sempre foi um lugar especial para nós, um lugar para escapar, para se conectar, para relaxar, para aproveitar a paisagem, respirar ar fresco, aventurar-se em caminhadas, aproveitar o tempo. A nossa esperança é que todos experimentem muitas alegrias aqui”, adiantam.

Com um design que faz lembrar pinhas — foram feitas com 18 mil peças de telhas de madeira — cada uma destas cabanas empoleiradas na floresta está presa ao tronco de uma única árvore, através de um colar de aço, de forma a minimizar a intervenção na paisagem. As pequenas habitações, com apenas 15 metros quadrados de área, estão suspensas seis metros acima do solo e têm vistas panorâmicas para o majestoso fiorde Hardanger.

O interior é decorado com “a melhor madeira de amieiro preto” e por lá encontrará cadeiras artesanais, projetadas e produzidas na Noruega, tecidos de alta qualidade e pequenos toques de luxo em cada uma das casas.

As cabanas estão equipadas com uma cama de casa, uma kitchenette, casa de banho e até piso aquecido. São o refúgio perfeito para um casal, mas podem acomodar até quatro pessoas, graças a um sofá extra. Os preços começam nos 336€ por noite e as reservas podem ser feitas online.

Como lá chegar

Para chegar ao Woodnest, terá de andar um bom bocado. A viagem até ao alojamento requer uma caminhada de meia-hora até à floresta, com alguma inclinação. O percurso começa no centro de Odda, pelo que deverá apanhar um avião até Bergen, que é o aeroporto mais próximo

Se partir de Lisboa, encontra bilhetes de ida e volta desde 173€. Depois, pode apanhar um autocarro direto, que demora cerca de três horas.

A seguir, carregue na galeria para conhecer estas incríveis casas na árvore da Noruega.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT