Europa

O novo “oásis secreto no coração do Mediterrâneo” onde todos se querem refugiar

O grupo Aethos chegou à ilha italiana de Sardenha em maio e abriu um resort de cinco estrelas com acesso direto ao mar.
A vista exterior.

Depois do sucesso da abertura do Aethos Ericeira, em 2022, e de uma unidade hoteleira em Monterosa, nos Alpes italianos, o grupo que representa a próxima geração de “hotéis boutique e clubes privados” acaba de inaugurar o seu sexto empreendimento. A 18 de maio, a cadeia abriu portas em Sardenha, a ilha italiana de águas cor de esmeralda e com uma história que remonta a milhares de anos.

O Aethos Sardinia está localizado na parte nordeste da ilha, rodeado por colinas ondulantes e com acesso direto ao mar. É um “oásis secreto no coração do Mediterrâneo”.

Como é característico dos empreendimentos do grupo, também este mergulha na cultura local, com uma oferta adaptada ao que se espera encontrar na região. “Queremos ser um reflexo autêntico da comunidade local, daí todas as nossas localizações serem completamente diferentes umas das outras”, explicou à NiT Benjamin Habbel, fundador e diretor-geral do grupo, na altura da inauguração do boutique hotel na Ericeira.

Mais do que um resort de luxo cinco estrelas, este é um lugar onde os hóspedes “podem sentir o glamour e a nostalgia de uma época diferente”, destinado aos viajantes que “encontram beleza nas coisas verdadeiras e no significado da viagem”.

“O que distingue o Aethos é a nossa capacidade de ouvir a vizinhança, escutar os hóspedes e entrarmos em ação. Não somos hoteliers tradicionais”, garante o responsável. Situado na célebre Costa Esmeralda, a nova unidade do grupo é um “retiro contemporâneo” que evoca uma sensação de nostalgia e glamour.

A decoração e o design de interiores, feitas pelo Astet Studio, destaca-se pelas tons de salmão e vermelhos, sem esquecer a palete de tons de azuis, inspirada no ambiente natural sereno. “A mistura da natureza e da arquitetura contemporâneo nos nossos quartos, suites e villas criam um ambiente simultaneamente confortável e inspirador”, destacam.

O resort de cinco estrelas é composto por 64 quartos e suites, cada um deles com vistas panorâmicas para o mar, o Golfo de Cagliari ou até mesmo o arquipélago de Maddalena. Além disso, cada unidade de alojamento inclui um terraço ou varanda equipada com mesa, cadeiras e espreguiçadeiras. Algumas suites dispõem ainda de uma piscina privativa.

É o caso da Ocean Pool Suite, situada no topo de uma colina. Com capacidade para quatro hóspedes, a moradia com 65 metros quadrados possui um quarto duplo, um quarto twin, três casas de banho e uma área de estar. O destaque é, claro, o jardim privado com piscina de água doce, bem como as vistas panorâmicas do mar. O espaço está ligado ao edifício principal por um trilho panorâmico, também privativo, que se estende por 200 metros.

Os hóspedes têm ainda acesso a uma série de áreas comuns, como um deck sobre a água e as duas piscinas exteriores de água doce, que são “um santuário maravilhoso para nadar e relaxar”. Outro destaque é o centro de bem-estar, onde se encontra um ginásio totalmente equipado e várias salas de tratamentos.

Assim como a decoração, também o restaurante principal do hotel é inspirado nos sabores vibrantes da Sardenha. No ZAÏA Sardinia, os hóspedes podem experimentar produtos frescos da região, vinhos locais e a “autêntica herança culinária”.

Ao longo da estadia, poderá experimentar as várias atividades disponibilizadas pela unidade hoteleira, desde passeios de barco pelo Mediterrâneo a aulas de ioga nos jardins

Para ficar hospedada neste novo oásis no Mediterrâneo, os preços da estadia começam nos 350€ por noite, dependendo da época. As reservas podem ser feitas online.

Como lá chegar

Para chegar ao novo hotel do grupo Aethos, o aeroporto mais próximo é o de Olbia. Se partir de Lisboa ou do Porto, encontra bilhetes de ida e volta desde 121€. Caso apanhe o avião em Faro, os preços rondam os 144€.

Quando aterrar, a melhor opção é mesmo alugar um carro ou ir de táxi, já que fica apenas a 30 minutos do aeroporto. Se optar pelos transportes públicos, a viagem demorará quase duas horas.

Carregue na galeria para ver mais imagens do sexto hotel do grupo Aethos. 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT