NiTtravel

Hokkaido: a inacreditável praia que fica coberta de gelo e neve durante o inverno

É um fenómeno natural que ocorre entre os meses de janeiro e fevereiro na segunda maior ilha do Japão.
É incrível.

Já ouvimos falar de praias de areia preta, cor-de-rosa e até mesmo com cristais que parecem diamantes, mas há um fenómeno ainda mais raro que acontece durante cerca de dois meses numa ilha no Japão: a neve e a areia juntam-se ao mar em perfeita harmonia e formam uma paisagem inacreditável. Parece um cenário de filme, mas é bem real — e está quase a chegar a altura do ano para assistir ao momento único. 

Hokkaido, a segunda maior ilha do Japão, é conhecida sobretudo pelas paisagens pitorescas, pelo inverno rigoroso e pelas luxuosas estâncias de esqui. Porém, possui ainda uma joia escondida de valor incalculável. Um cenário único que combina a beleza da neve, com um mar de azul-profundo e um areal quase infinito — um contraste único no mundo. É na costa da cidade de Toyokoro que toda a magia acontece. 

A paisagem deve-se a um fenómeno natural que ocorre entre meados de janeiro e fevereiro e atrai turistas do mundo inteiro, que anseiam fotografar a praia de Hokkaido com diferentes cores.

Quando as temperaturas atingem os graus negativos, a foz do rio Takashi congela, dando origem a enormes blocos de gelo que são transportados até à costa pelos ventos fortes. Depois, acomodam-se na areia e a neve acaba por cobrir a paisagem, um espetáculo descrito como “gelo de joia”. 

 

Hisatoshi Matsumura foi um dos fotógrafos que conseguiu captar o momento no inverno de 2021 e partilhou a fotografia nas redes sociais, que rapidamente se tornou viral. As cores opostas pelos diferentes elementos deixaram os internautas impressionados. “Este é o paraíso na terra”, lê-se num dos comentários.

O cenário de contrastes surge apenas nos meses mais frios, quando a neve é intensa o suficiente para cobrir grande parte da região na costa do Japão. É, por isso, o destino perfeito para aqueles que querem combinar a magia do inverno com a serenidade do mar. 

A praia não é acessível de carro, o que acrescenta adrenalina à aventura. A viagem em busca desta joia escondida terá de ser feita de autocarro ou comboio — ambos os trajetos oferecem vistas panorâmicas. Por ser uma maravilha natural praticamente intocada, não existem quaisquer serviços de apoio na zona.

Quem visitar a ilha de Hokkaido também poderá avistar focas, águias marinhas ou leões marinhos. A praia está integrada no geoparque San’in Kaigan, que faz parte da UNESCO desde 2010. Com uma área de 2.458 quilómetros quadrados, abriga vários pontos geológicos relacionados com a formação do mar do Japão, além de rios, vulcões, vales e plantas raras. Atravessa ainda três cidades, vilas e províncias com uma população de cerca de 400 mil habitantes. 

Como lá chegar

Para chegar à segunda maior ilha do Japão, primeiro terá de voar até Tóquio. Se partir de Lisboa, encontra bilhetes de ida e volta desde 928€ no mês de janeiro. A capital do Japão tem voos diretos para Hokkaido, uma viagem que demora cerca de 90 minutos e custa desde 84€.

A seguir, carregue na galeria para ver as incríveis fotografias que têm sido partilhadas desta maravilha natural durante o inverno.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT